Você
valsa como
um elefante
sobre meu coração.

"E você aprende que amar não significa apoiar-se, e que companhia nem sempre significa segurança. Aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão. E aprende que, não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam… E aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai feri-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso. Aprende que falar pode curar dores emocionais, Descobre que se leva anos para construir uma confiança, e apenas segundos para destruí-la.Aprende que verdadeiras amizades continuam a crescer mesmo a longas distâncias. E o que importa não é o que você tem na vida, mas quem você tem na vida. Descobre que as pessoas com quem você mais se importa na vida são tomadas de você muito depressa… por isso sempre devemos deixar as pessoas que amamos com palavras amorosas; pode ser a última vez que as vejamos. Aprende que nem sempre é suficiente ser perdoado por alguém… Algumas vezes você tem de aprender a perdoar a si mesmo. E você aprende que realmente pode suportar… que realmente é forte, e que pode ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais. E que realmente a vida tem valor e que você tem valor diante da vida!"

William Shakespeare.

"Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos."

Fernando Pessoa.

"Acreditava que diante de tantas diferenças o amor seria suficiente. É o que pregam, não é? Que o amor salva. Salva o mundo. Mas na verdade as pessoas só não estão preparadas para o rompimento, para o ceticismo. Ninguém se prepara para descobrir que essa segurança que o amor passa é falsa, nem para acabarmos totalmente descrentes ao esperar demais que ele nos alcance em prol de uma salvação. O amor acaba por ser uma via de mão dupla, te fazendo suplicar pelo bem que tanto te faz mal. E desde que eu me tornei esse muro cinza e pesado notei que já não tinha mais nada para se fazer a não ser se deixar cair pelas mãos de quem me construiu. É preciso ser maduro suficiente para isso - como quase nunca sou; como quase ninguém é. Quando levanto, estou mais cético, porém menos viril, e jamais deixando de lado essa minha aptidão para falências. Visto o tédio, me adéquo ao sofrimento, porque aparentemente a vida é sobre isso: escolhas, como nesse momento eu escolhi desistir. Não de mim ou do amor, mas sim da compreensão. Por enquanto ficarei sentando de pernas cruzadas aqui, no fundo do poço que muitas vezes é o melhor lugar para se estar. É mais calmo, menos corredeiro, chega a ser esclarecedor. E é como dizem: o único lugar para ir é o topo."

Erick Calcários.

"Ei eu gostaria de saber o que tem dentro de você? Flores, dores ou amores?"

Antonio.

"Mas se o destino insistir em nos separar, danem-se os astros, os autos, os signos, os dogmas, os búzios, as bulas, anúncios, tratados, ciganas, projetos, profetas, sinopses, espelhos, conselhos, se dane o evangelho e todos os orixás… Serás o meu amor, serás, amor, a minha paz! Consta na pauta, no Karma, na carne, passou na novela, está no seguro, picharam no muro, mandei fazer um cartaz… serás o meu amor, serás a minha paz!"

Chico Buarque.

"Os tempos se mudam e eu fico sem teto."

Júlia Ogaia.

"Sempre me via diferente com pessoas da minha idade, minhas ideias nunca acompanhavam, meus gostos nunca batiam, explicava mil vezes a mesma coisa tentando mostrar meu ponto de vista - meu jeito raramente era compatível com os demais. Fui incompreendido boa parte da minha vida. Era estranho, às vezes eu sentia que carregava uma alma mais velha que meu corpo."

Sean Wilhelm.